cachaça e cana de açúcar

Cachaça: Top 10 melhores para comprar online em 2020

Última atualização

Está em busca de uma cachaça de qualidade para se aquecer nesta estação? Pela internet há diversas opções de produtos. Por isso, para te ajudar, separamos uma listagem com os 10 melhores produtos, além de um guia de compra para que você escolha o item mais adequado ao seu gosto. Quer saber mais? Acompanhe a leitura!

Seja para dividir com os amigos ou apreciar sozinho, a cachaça é uma ótima pedida para trazer um momento de descontração ou sair da rotina. Feita da cana-de-açúcar, pode apresentar variadas graduações alcoólicas que variam entre 38% e 48% de seu conteúdo. A cachaça pode ter diversos tipos também, dependendo da sua produção e armazenamento.

homem bebido

Sendo assim, há diversas características pertinentes a esse produto que podem causar confusão no momento da escolha, principalmente, para quem ainda não está familiarizado com o item e seus termos.

Dessa maneira, com o objetivo de te ajudar a escolher a cachaça ideal, separamos os melhores produtos da internet e suas características, além de prós e contras. Ademais, listamos algumas dicas para que você entenda um pouco mais sobre a cachaça e realize uma escolha mais assertiva de acordo com a sua preferência.

Para entender melhor, prossiga com a leitura.

Cachaça: Melhores produtos para comprar em 2020

Abaixo listamos as melhores cachaças para você comprar online. Sendo assim, separamos esses itens de acordo com a avaliação dos usuários e consideramos também os produtos mais comprados em sites de vendas. Para te ajudar ainda mais, evidenciamos o diferencial de cada cachaça, suas características, vantagens e desvantagens. Entenda melhor, abaixo.

1

Cachaça 51 Pirassununga

A tradicional cachaça brasileira em miniatura

Cachaça 51 Pirassununga

Veja a melhor oferta em

Amazon.com.br

Com o slogan uma boa ideia, a cachaça Pirassununga 51 é uma das mais tradicionais cachaças brasileiras. Seu sabor adoçado e com 200ml é uma ótima opção para quem deseja ter uma cachaça sempre ao alcance das mãos ou ainda para os colecionadores, já que se trata de um produto tradicional e que não pode faltar na sua coleção!

Originalmente de Pirassununga, possui teor alcoólico de 39%, é um produto cristalino, incolor, contendo aroma e gosto característicos.

Prós

Contras

Tradicional Não é envelhecida
Miniatura  
Ideal para colecionadores  
Teor alcoólico de 39%  
2

Cachaça Companheira Envelhecida de Bolso

Uma cachaça envelhecida de bolso

Cachaça Companheira Envelhecida de Bolso

Veja a melhor oferta em

Amazon.com.br

Para quem deseja ter uma cachaça de qualidade envelhecida e sempre ao alcance das mãos, esse produto pode ser o mais adequado. Com um teor alcoólico de 40%, essa cachaça contém 150ml e é envelhecida 4 anos em barril de carvalho. Possui um sabor agradável com notas suaves de baunilha.

Contém diversas premiações e é fabricada em Jandaia do Sul, no Paraná.

Prós

Contras

Produto de bolso Nada
Teor alcoólico de 40%  
Envelhecida 4 anos  
Possui diversas premiações  
Sabor agradável  
3

Cachaça Ypióca 150 Anos

A mais famosa cachaça nordestina

Cachaça Ypióca 150 Anos

Veja a melhor oferta em

Amazon.com.br

Trata-se da edição comemorativa de umas das mais famosas cachaças nordestinas. Essa edição de 150 anos é envelhecida 3 anos em barris de carvalho e apresenta um teor alcoólico de 39%. Apresenta um sabor nobre do bálsamo juntamente ao carvalho, contendo notas de baunilha, caramelo e melaço.

Prós

Contras

Edição comemorativa Nada
Uma das mais famosas do nordeste  
Envelhecida 3 anos em barris de carvalho  
Teor alcoólico de 39%  
4

Cachaça Sagatiba Pura

Ótima cachaça para caipirinha e drinks

Cachaça Sagatiba Pura

Veja a melhor oferta em

Amazon.com.br

Por ser uma cachaça pura, a Sagatiba é uma ótima opção para misturas, drinks e caipirinha. Contendo um teor alcoólico de 38%, é originária de São Paulo e é fabricada com um rigoroso processo de destilação, separando qualquer impureza, o que resulta em um produto puro e cristalino que combina com qualquer mistura.

Prós

Contras

Cachaça pura Nada
Ideal para caipirinha, drinks e misturas em geral  
Teor alcoólico de 38%  
Utiliza um rigoroso processo de destilação  
5

Cachaça Santo Grau Reserva Paraty

Cachaça brasileira da região de Paraty

Cachaça Santo Grau Reserva Paraty

Veja a melhor oferta em

Amazon.com.br

Essa cachaça envelhecida em carvalho francês é originária do Rio de Janeiro, da região de Paraty. Possui uma graduação alcoólica de 41%, é produzida em um pequeno e histórico engenho, obedecendo aos mais rigorosos processos e métodos de elaboração da marca.

Os barris utilizados para envelhecimento suportam até 240 litros e são selecionados especialmente pela família produtora.

Prós

Contras

Proveniente de Paraty Nada
Possui graduação alcoólica de 41%  
Envelhecida em barris de carvalho de até 240 litros  
Obedece rigorosos processos de elaboração da marca  
6

Cachaça Cabaré Extra Premium 15 Anos

A cachaça dos sertanejos raiz

Cachaça Cabaré Extra Premium 15 Anos

Veja a melhor oferta em

Amazon.com.br

Envelhecida 15 anos em barril de carvalho europeu, possui diversas premiações e um teor alcoólico de 38%. Conta com o apelo comercial de dois cantores sertanejos famosos: Leonardo e Eduardo Costa. É do tipo extra premium, com produção artesanal originária de Mirassol, São Paulo.

Prós

Contras

Envelhecida 15 anos em carvalho europeu Nada
Extra Premium  
Teor alcoólico de 38%  
Indicada por sertanejos famosos  
7

Cachaça Vale Verde Extra Premium Ouro

A melhor cachaça mineira

Cachaça Vale Verde Extra Premium Ouro

Veja a melhor oferta em

Amazon.com.br

Essa é eleita uma das melhores cachaças mineiras. Do tipo extra premium é envelhecida 3 anos em barris de carvalho. Possui graduação alcoólica de 40% e segue os mesmos padrões internacionais para fabricação de destilados, utilizando técnicas que garantem o sabor e a qualidade diferenciada da bebida.

Prós

Contras

Extra Premium Nada
Uma das melhores da região de Minas Gerais  
Envelhecida 3 anos em barril de carvalho  
Utiliza técnicas internacionais para fabricação  
Graduação alcoólica de 40%  
8

Weber Haus Amburana

Uma cachaça gaúcha de grande marca

Weber Haus Amburana

Veja a melhor oferta em

Amazon.com.br

Produzida em Ivoti, Rio Grande do Sul, essa cachaça gaúcha é envelhecida um ano em barril de amburana e apresenta graduação alcoólica de 38%. Por esse motivo, tem sabores típicos desse tipo de barril como, canela, babaçu, amêndoas, cravo e couro. Possui um toque amargo e seu aspecto é licoroso.

Contém diversas premiações e é a que possui o primeiro selo de cachaça de qualidade do Rio Grande do Sul.

Prós

Contras

Envelhecida um ano em Amburana Nada
Possui diversas premiações  
Uma das melhores cachaças do Rio Grande do Sul  
Graduação alcoólica de 38%  
9

Leblon Signature Merlet

Destilado que combina ervas, especiarias e licores

Leblon Signature Merlet

Veja a melhor oferta em

Amazon.com.br

Com graduação alcoólica de 42%, essa cachaça fabricada em Patos de Minas, Minas Gerais, é envelhecida 2 anos em barris de carvalho francês e destilada em alambiques de cobre. Apresenta notas suaves de mel e nozes. Seu consumo é recomendado puro ou com pedras de gelo, harmonizando bem com bolos, ervas, especiarias e licores.

Prós

Contras

Teor alcoólico de 42% Nada
Envelhecida 2 anos em barris de carvalho francês  
Notas suaves de mel e nozes  
Combina com ervas e especiarias  
10

Cachaça Caraçuípe extra premium

Cachaça com sabor que remete a nozes e baunilha

Cachaça Caraçuípe extra premium

Veja a melhor oferta em

Amazon.com.br

Mais uma cachaça extra premium para a lista, esse produto é destilado em alambiques de cobre e armazenado em barris de carvalho por 3 anos e seis meses, garantindo a sua coloração e textura viscosa.

Com aroma remetendo a notas amadeiradas, baunilha e tabaco, seu sabor é bastante equilibrado e semelhante às nozes e baunilha. Possui teor alcoólico de 40%.

Prós

Contras

Armazenada em barril de carvalho por 3 anos e seis meses Nada
Textura viscosa  
Sabor equilibrado  
Teor alcoólico de 40%  

Quem leu este ranking também gostou:

Como comprar a melhor cachaça

cachaça e cana de açúcar
Como escolher cachaça, tudo que deve saber

Encontrar a cachaça ideal pode não ser tão simples, já que há vários tipos e também características que devem ser consideradas para que se faça uma escolha assertiva. Dessa forma, separamos alguns critérios que você deve levar em consideração antes de comprar a cachaça perfeita para você. Veja abaixo quais são eles.

Tipo

As cachaças podem ser classificadas de acordo com seu tempo de envelhecimento em barris de madeira ou tonéis de inox. Sendo assim, podem ser subdivididas em: Pura, prata, ouro, envelhecida, premium e extra premium.

A cachaça pura é aquela que não passa por nenhum processo de envelhecimento. Após a destilação, a partir da cana-de-açúcar, o líquido é filtrado, engarrafado e disponibilizado para a venda. Geralmente, essas cachaças possuem o aspecto incolor, mas podem conter algum tipo de corante que lhes provê alguma coloração.

A cachaça prata e ouro são submetidas a um rápido processo de envelhecimento de até um ano. Nesses casos, a cachaça ouro pode apresentar uma coloração diferenciada dependendo do material em que foi armazenada. Dessa forma, as cachaças ouro, prata e pura são as mais indicadas para realização de misturas, pois apresentam um sabor bastante equilibrado.

Para ser considerada envelhecida, ao menos 50% do conteúdo da garrafa deverá permanecer em armazenamento por no mínimo um ano. Já para as cachaças premium e extra premium é necessário ter seu conteúdo 100% armazenado. O diferencial entre as duas está no tempo de envelhecimento, que pode variar de 1 a 3 anos para as do tipo premium e deve ser superior a 3 anos para as cachaças extra premium.

Essas cachaças são mais indicadas para o consumo sem misturas, pois o processo de envelhecimento pode trazer mais sabor e aroma ao produto. Sendo assim, costumam agregar o gosto e odor do local de armazenamento. Por isso, possuem sabores tão variados.

Tabela comparativa dos tipos de cachaça

Pura Não passa por nenhum processo de envelhecimento
Prata Uma parte do conteúdo é envelhecida por até um ano
Ouro Uma parte do conteúdo é envelhecida por até um ano
Envelhecida Ao menos 50% de seu conteúdo passa por um processo de envelhecimento
Premium 100% de seu conteúdo é envelhecido por de 1 a 3 anos
Extra Premium 100% de seu conteúdo é envelhecido por ao menos 3 anos

Local

Em todo o Brasil há diversos produtores de cachaças, sendo a cachaça mineira uma das mais populares e considerada uma das melhores cachaças brasileiras. Contudo, há diversos lugares no país com engenhos especializados na produção de cachaça, como no Rio de janeiro, São Paulo, Rio Grande do Sul e variados locais no nordeste do país.

Dependendo do local de produção, o processo de envelhecimento pode ser realizado em barris de distintas madeiras. Isso confere às cachaças sabores únicos, conferidos através de reações químicas.

Produção

As cachaças podem ser feitas de maneira artesanal, industrializada ou serem fabricadas de forma orgânica.

As primeiras são feitas através dos alambiques, que realizam a destilação da bebida de gota a gota. Trata-se de um processo mais demorado e criterioso. Podem ser envelhecidas em diversos tipos de barris, o que confere um sabor e odor diferenciado à bebida.

Já as cachaças industrializadas são destiladas em colunas que promovem uma destilação contínua e em grande quantidade. Por isso, geram um maior volume de cachaça em menor tempo. Geralmente, não são envelhecidas, mas podem passar por processos de envelhecimento para agregar sabor. Possuem um melhor custo-benefício e são padronizadas em muitos parâmetros, o que pode afetar sua diversidade de sabor e odor.

As cachaças orgânicas são fabricadas a partir da cana-de-açúcar orgânica. Para isso, o produtor deve comprovar que toda a linha de produção é livre de agrotóxicos. São mais sustentáveis, acarretando menor impacto ao meio ambiente. Possuem um sabor diferenciado e com maior qualidade.

Registro, certificação e selo

A cachaça também é um produto que precisa ser constantemente fiscalizado. Por isso, antes de comprar tal item, é necessário pesquisar se esse possui o selo do MAPA (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento). Dessa forma, você garantirá que está consumindo um item fabricado de acordo com os critérios e normas relacionadas à fabricação.

Ademais, é importante conferir se a cachaça possui o selo do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados), que deve estar presente mesmo nas cachaças artesanais.

As cachaças também podem ser certificadas por diversos órgãos como o INMETRO, que garante a qualidade da bebida quimicamente, através de avaliações e ensaios criteriosos. Além disso, há outras entidades como a AMPAQ (Associação Mineira dos Produtores de Cachaça de Qualidade), que comprova o quanto os produtores estão preocupados em fornecer um produto de ótima procedência.

É importante ressaltar que o reconhecimento do INMETRO e de órgão, como o AMPAQ, não são obrigatórios para cachaças, porém trazem uma confiança a mais para quem compra, garantindo que é um produto de qualidade. Os selos de premiação também são boas maneiras de verificar se o produto é bom. Nesse sentido, quanto maior a quantidade de selos de premiação, melhor é a qualidade do item.

Além disso, certificações de garantia de origem e selos de localização geográfica demonstram que a cachaça foi fabricada em determinados locais e que a fabricação contou com altos padrões de qualidade e normas.

Armazenamento

A cor da bebida não deve ser uma característica para comprovar a sua qualidade, mas sim a madeira e tipo de armazenamento utilizado.

As cachaças armazenadas em Carvalho apresentam notas fortes e peculiares da madeira, são de cor dourada e possuem baixa acidez. Já as cachaças estocadas em Amburana contêm um aroma semelhante à baunilha, possuindo também baixa acidez.

O armazenamento em Bálsamo, possibilita uma coloração amarela esverdeada e seu sabor tem traços cítricos. Cachaças armazenadas em barris de Castanheira-do-pará são mais suaves contendo o aroma e sabor da cana, além de apresentarem uma aparência mais bronzeada.

Barris de Jequitibá-rosa, minimizam a acidez da bebida e não alteram o sabor e aroma originais. Do mesmo modo, o armazenamento em Araucária é ainda mais eficiente na conservação das características da cachaça que os barris de Jequitibá-rosa.

Cachaça, pinga ou aguardente: Qual a diferença?

Cachaça, pinga ou aguardente
Cachaça, pinga ou aguardente: Qual a diferença

Apesar de serem considerados sinônimos, há algumas diferenças entre esses termos. Por isso, confira abaixo as principais peculiaridades de cada uma.

Aguardente

Esse termo se refere a bebidas fermentadas e destiladas posteriormente. Podem ser feitas de variados produtos e seu teor alcoólico varia entre 38% e 54%. São comumente misturadas a outros componentes de origem animal, sendo conhecidas como aguardentes compostas.

Cachaça

A cachaça é uma aguardente, feita de cana-de-açúcar com graduação alcoólica que pode variar entre 38% e 48%. Caso a bebida não tenha esses requisitos, não pode ser classificada como cachaça, sendo apenas denominada como aguardente de cana.

Pinga

Apesar de remeter a um significado pejorativo e indicar cachaças de baixa qualidade, o termo se refere à destilação em alambique de cobre, onde ocorre a condensação lenta e a saída do líquido em forma de pingos. Por esse motivo, na verdade, a pinga deve se refere verdadeiramente à qualidade, já que remete aos processos artesanais de produção.

A história da cachaça

conheça a história

Alguns achados históricos demonstram registros da produção de destilados de cana-de-açúcar desde 500 a.C. no Paquistão. No Brasil, a história se iniciou com a chegada dos portugueses que trouxeram com eles a cana e suas técnicas de destilação. O primeiro engenho de cana teria sido implantado em Pernambuco entre os anos de 1516 e 1526 e depois disso, a quantidade de engenhos se multiplicou rapidamente.

Quanto aos registros de destilação da primeira cachaça, sabe-se que essa ocorreu entre 1516 e 1532, entretanto, há algumas hipóteses quanto a sua origem. Segundo a história, a primeira bebida destilada de cana pode ter sido fabricada em Pernambuco, Porto Seguro ou no litoral de São Paulo.

Mesmo com imprecisão na data e nas informações, a cachaça foi o primeiro destilado do Brasil a trazer relevância econômica e ser fabricada em grande quantidade. O alto teor alcoólico da bebida impedia que essa estragasse durante as viagens, o que fazia desse tipo de destilado uma moeda de troca por escravos.

A produção de cachaça se espalhou para outras regiões do Brasil, incluindo Minas Gerais e Rio de Janeiro. Com a migração para esses locais, o tempo de contato da cachaça com a madeira promovia um certo envelhecimento do produto durante a viagem, e pode ter sido dessa situação que surgiu o hábito de envelhecer esses destilados.

Atualmente há mais de quatro mil alambiques espalhados pelo Brasil, caracterizados pela produção artesanal. Tal fato acarretou uma grande quantidade de marcas de cachaça no território nacional.

Conclusão

A cachaça é um produto proveniente da cana-de-açúcar e muito popular no Brasil. Sua destilação pode ser feita em alambiques ou colunas, onde as primeiras são consideradas artesanais e as feitas em coluna, industriais. Além dessa diferença na fabricação, a cachaça pode ser envelhecida em barris de madeiras parcial ou totalmente por variados períodos, o que confere a ela outras características e classificações.

Sendo assim, para escolher uma cachaça é preciso considerar a sua preferência, mas também vários critérios que podem fazer com que esse produto seja mais ou menos adequado ao seu gosto ou à aplicação desejada.

Se você chegou até aqui, já deve saber um pouco mais sobre esse destilado e como escolher o mais adequado a sua necessidade. Caso você ainda não tenha comprado a sua cachaça favorita, retorne ao nosso top 10 e escolha uma dentre as melhores opções para adquirir pela internet. Não perca tempo, já que esses produtos podem ter um estoque limitado.

Por isso, se este artigo te ajudou de alguma forma, compartilhe-o nas suas redes sociais e ajude os seus amigos a comprar a melhor cachaça pela internet.

Atenção: A BEBIDA ALCOÓLICA PODE CAUSAR DEPENDÊNCIA QUÍMICA E, EM EXCESSO, PROVOCA GRAVES MALES À SAÚDE. A VENDA DE BEBIDAS ALCOÓLICAS É PROIBIDA PARA MENORES DE 18 ANOS. BEBA COM MODERAÇÃO.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *